“A bola não está conosco, quem tem que decidir são os governadores e prefeitos”, diz ministro do Turismo sobre realização festas de réveillon e Carnaval.

O ministro Gilson Machado (Turismo) disse nesta segunda-feira (13) que o governo federal não deve decidir sobre a realização ou não de festas de fim de ano nem da comemoração do Carnaval. Deu entrevista a jornalistas no Palácio do Planalto.

“Quem tem que decidir isso daí são os governadores e prefeitos. Não é o governo federal. Estamos assistindo ao que eles vão decidir e infelizmente não está conosco a bola”, disse o ministro depois de evento em comemoração ao Dia do Forró.

“Eu quero assistir de camarote a isso daí, porque os mesmos governos que fecharam igrejas e escolas estão com a bola na mão para decidir se vão abrir ou não”, disse.

“Galo da Madrugada [em Pernambuco], com 2 milhões de pessoas na rua, como vai exigir passaporte sanitário num bloco daquele tamanho? Então, tem que ter bom senso, acredito no bom senso dos governadores e prefeitos, vamos assistir de camarote”, completou.

Machado afirmou que o Ministério do Turismo está focado no turismo de curta e média distâncias, valorizando o ecoturismo.

Poder 360