As eleições municipais serão adiadas para dezembro deste ano. O ministro Luís Roberto Barroso vai anunciar o adiamento do pleito assim que assumir a presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a partir do próximo dia 25.

Uma fonte do JURINEWS garante que a decisão do ministro já está consolidada em virtude do risco real que o Brasil está vivendo com a pandemia do coronavírus.

A alteração na data da eleição 2020 vai depender do Congresso. Barroso já garantiu que o tribunal vai ter o cuidado de estabelecer a interlocução necessária com o Congresso Nacional para aprovar o adiamento.