O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciou a demissão de toda a diretoria do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) neste sábado (22), durante visita a um supermercado no Guarujá, no litoral de São Paulo, onde passa o feriado de Carnaval.

“Implodi o Inmetro. Implodi. Mandei todo mundo embora. Por quê? Há poucos meses assinaram portaria para trocar tacógrafos”, afirmou Bolsonaro. “Em vez de ser o normal que está aí, inventaram um digital. Ele é aferido de dois em dois anos. Passaram para um. Mandei acabar com isso aí”, completou. A declaração foi transmitida em live pelo perfil dele no Facebook.

De acordo com ele, a medida da autarquia iria prejudicar os taxistas. O tacógrafo serve para indicar e registrar a distância percorrida, velocidade desenvolvida e direção.

Na última segunda-feira (17), a exoneração da presidente do Inmetro, Angela Flores Furtado, foi publicada no Diário Oficial da União. Ela foi substituída pelo coronel do Exército Marcos Heleno Guerson de Oliveira Júnior