in

Bruno Covas, de licença médica, vai à final da Libertadores e gera polêmica


A imagem do prefeito Bruno Covas (PSDB) torcendo na final da Libertadores deixou a população paulistana nas redes sociais revoltada. Isto porque a cidade de São Paulo está vivendo na fase vermelha, em uma quarentena mais rígida, com a circulação restrita nos fins de semana.

Neste fim de semana, a convite das instituições organizadoras da Copa Libertadores da América, Bruno Covas deixou São Paulo e foi ao Rio de Janeiro com seu filho, ver a derrota de seu time, o Santos, para o Palmeiras.

A imagem do prefeito na arquibancada, ao lado de outras pessoas no Maracanã, levou o nome do tucano entre os assuntos mais comentados da rede social Twitter na noite de sábado (30).

Bruno Covas está afastado de suas funções como prefeito desde o dia 18 de janeiro para tratar um câncer. Segundo a a assessoria da prefeitura, sua licença acaba neste domingo (31).

Governo reduz 10% comprometimento de gasto com pessoal em 2020

Justiça condena homem a pagar R$ 15 mil a ex por divulgar ‘nudes’ dela na internet