in

Butantan considera aplicação de terceira dose de Coronavac



Ricardo Palácios, diretor médico de pesquisa clínica do Butantan, comentou neste domingo sobre a possibilidade da aplicação de uma terceira dose da Coronavac para aumentar a eficácia do imunizante.

“Existem grandes preocupações sobre como melhorar a duração da resposta imune, e uma das alternativas que tem sido considerada é uma dose de reforço, seja com a própria Coronavac, seja com outros imunizantes”, afirmou em entrevista à CNN Brasil.

“Possivelmente a combinação dessas vacinas conseguirá melhorar a duração da resposta imune, dar um reforço adicional.”

A China, como mostramos mais cedo, se mostrou preocupada com a baixa eficácia das suas vacinas contra a Covid.

Uma das principais autoridades sanitárias chinesas também afirmou que talvez seja preciso misturar doses de diferentes vacinas, ou então aplicar uma terceira dose.

O Antagonista

Fátima rebate Bolsonaro sobre pagamento de servidores com dinheiro da Covid

Receita Federal adia o prazo de entrega do Imposto de Renda