in , ,

CICERO MARTINS DISPARA: HÁ UMA ENORME CONTRADIÇÃO DO JUDICIÁRIO, DOS POLÍTICOS E, PRINCIPALMENTE, DA MÍDIA, COM RELAÇÃO AO COVID 19

Em um momento extremamente delicado que passa o mundo e, em especial, nosso País, o vereador Cícero Martins diz existir uma total incoerência entre os discursos e ações dos Poderes Públicos.
“Eu sou suspeito para falar em prorrogar eleições municipais. Mas, quem está dizendo que o mundo está se acabando não sou eu.
Diante do quadro que está sendo mostrado, especialmente, pela mídia, chegamos a um quase Estado de Guerra, sem saúde, sem dinheiro e sem a menor segurança do nosso futuro. Praticamente, todos os órgãos do Judiciário emitiram uma Nota Conjunta alegrando extrema gravidade da situação.
No entanto, parece que a doença só não atingiu o TSE, porque para eles está tudo NORMAL. As eleições municipais estão em perfeita tranquilidade e o pior, os R$ 8 bilhões separados para torrar com a política já estão separados, e não é para ajudar no combate ao Coronavírus. Isso deixa claro que falam uma coisa e fazem outra. São pessoas que perderam o compromisso com a decência.
Afinal, essa Pandemia é grave ou não para esse povo que vive em outro Mundo?”, finalizou Cícero.

1.500 presos do RN são do grupo de risco; Defensoria Pública quer que eles sejam soltos

Carlos Castim deixa Procuradoria e confirma pré-candidatura a vereador de Natal