Com oito meses de sua gestão, Dr. Tadeu viabiliza a Feira da Agricultura em Caicó: “as gestões passadas não priorizaram”, disse o prefeito


Uma luta que iniciou em 2013 e não foi viabilizada pelas gestões passadas: a Feira da Mulher de Caicó. Uma feira para comercializar e viabilizar os produtos da agricultura familiar com qualidade e higiene.

“Deveria ter acontecido há oito anos atrás, mas não o foi. Quando assumi a gestão em janeiro deste ano, recebi um telefonema de Ana Aline, vice-presidente da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Rio Grande do Norte, Fetarn, e ela me disse: prefeito, precisamos entregar a Feira de Agricultura Familiar. Eu disse a ela que era uma prioridade pra nossa gestão e a luta foi grande para chegar ao que está acontecendo hoje”, relatou o prefeito de Caicó.

Segundo Dr. Tadeu, três veículos que são do projeto estavam sucateados: dois utilitários e um caminhão baú: “estavam jogados ao relento, tanto tempo sem uso, que o óleo dos motores havia petrificado” explicou.
Além dos veículos, foram entregues 41 barracas, além de balanças e coletes, que estavam guardados na Associação de Mulheres da Feira da Diversidade Rural do Seridó.

A ação é resultado de um projeto do Programa de Apoio a Projetos de Infraestrutura e Serviços em Territórios Rurais, através da luta da Associação de Mulheres da Feira da Diversidade Rural do Seridó. No entanto, cabia a gestão municipal viabilizar e organizar: “por pura falta de prioridade ainda não haviam feito, mas aí está: uma feira padronizada para valorizar o homem e a mulher rural na sua subsistência e agradeço a Ana Aline, aos vereadores, ao vice-prefeito Toinho, às secretarias de Agricultura, de Finanças, de Infraestrutura e as demais”, finalizou o prefeito de Caicó, Dr. Tadeu