Comissão de ética da Câmara de Natal vai apurar conduta de vereador durante votação do plano diretor



Um requerimento foi apresentado em sessão ordinária dessa terça-feira (28), na Câmara Municipal de Natal,  para apurar a conduta do vereador Robério Paulino (PSOL) durante a votação da revisão do Plano Diretor.

De autoria do vereador Anderson Lopes (Solidariedade), o documento questiona acusações de que os parlamentares teriam cometido atos ilícitos para beneficiar o capital imobiliário. O caso foi encaminhado à Comissão de Ética da Câmara.

De acordo com o documento, comportamento a ser apurado, é a divulgação de mensagens em redes sociais, em que Robério Paulino convoca manifestantes por meio de um “pedido de socorro”. Diz um trecho da mensagem: “Um verdadeiro massacre da maioria do capital imobiliário sobre a nossa pequena oposição”, reproduziu o vereador.

O texto do requerimento pede apuração da conduta do vereador.

Robério Paulino se desculpou por associar as críticas à prática parlamentar, mas frisou que “o principal vitorioso dessa votação do Plano Diretor foi o capital imobiliário de Natal”.

 

Com informações da Tribuna do Norte