Coordenador de análises criminais do governo Fátima é preso por disparo de arma de fogo e ameaça


O coordenador de Análises Criminais da Secretaria de Segurança do Rio Grande do Norte (Sesed), Ivênio Hermes, foi conduzido à delegacia de plantão da zona Sul de Natal na noite desta segunda-feira (8), após se envolver em uma confusão e fazer disparos de arma de fogo em um condomínio.

De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública do RN enviadas ao Via Certa Natal, Ivênio foi autuado por disparo de arma de fogo e ameaça. As penas superam o limite de fiança, o que o fez permanecer preso no sistema prisional do RN. Ivênio passará por audiência de custódia nesta terça-feira (09).

Segundo informações preliminares, Ivênio se irritou após uma brincadeira de crianças, que estavam brincando de tocar a campainha da casa correr. Ao reclamar da situação, Ivênio teria sido ríspido com as crianças, o que acabou provocando uma discussão com um dos pais, o uruguaio instrutor de surf Pablo Sanches, que foi rebater a postura de Hermes.

Na confusão, Ivênio teria sacado uma arma e efetuado disparos. O uruguaio disse que correu para proteger seus filhos dos tiros efetuados.

Além de coordenador de Análises Criminais da Sesed, Ivênio Hermes é cientista criminal e coordenador de pesquisa do OBVIO, um observatório sobre a violência no Estado.