Estive hoje visitando o Hospital Municipal de Campanha de Natal, a convite do médico e professor voluntário Joca Marinho. Destacando que isso só foi possível porque a unidade ainda não está funcionando e será aberta no próximo dia 4 de maio. Quem também recebeu a mim e ao deputado Ubaldo Fernandes foi o diretor do hospital, Marcelo Noronha.

A unidade possui 50 quartos somando 100 leitos e mais uma sala de estabilização para os pacientes que tiverem o quadro agravado, além de contar com equipamentos de raio-x e tomógrafo tão importantes para o acompanhamento dos pacientes com Covid-19.

Os pacientes com indicação de internação com quadro confirmado ou suspeito do novo coronavírus serão regulados para o Hospital Municipal de Campanha de Natal através da rede, já que a porta de entrada são as UBS’s e UPA’s.

É importante destacar o apelo do professor Joca quanto à necessidade de união dos poderes públicos municipais, estaduais e federais para dar suporte financeiro ao hospital, considerando que pacientes do interior poderão ser atendidos através da UPA’s e serem encaminhados para o Hospital Municipal de Campanha de Natal. Nosso mandato destinou uma emenda de R$ 500 mil e está aguardando a liberação inicialmente de R$ 200 mil.

Os leitos de UTI’s ainda estão na dependência da compra dos respiradores que tiveram um aumento exorbitante. No início da pandemia eram vendidos por R$ 52 mil a unidade e agora estão sendo vendidos por R$ 160 mil.