Médico é considerado como o melhor especialista em Saúde de Ouro Branco, mas suas sugestões são ignoradas

O médico Dr. Araújo, considerado como o melhor especialista em Saúde de Ouro Branco vem lamentar o aumento de casos de Covid-19 no município, que saltou para 17 casos confirmados, um aumento de cinco em uma semana. Dr. Araújo ressalta que duas mortes em Ouro Branco foram descartadas por coronavírus, de acordo com o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap/RN), publicado nesta terça-feira (23).

“Eu tenho me preocupado, há dias, com a evolução do quadro Epidemiológico da nossa terra. Infelizmente deixa a transparecer que não foi dada as devidas atenções para barrar o avanço. Hoje, como eu prévia, vai só crescendo. Há certos conceitos populares que tem profundo significado: fazer o mal é pecado e fazer o bem é perdido. Outro: Santo de casa não obra milagres”, comentou Dr. Araújo que vem alertando e fazendo sugestões que são ignoradas pela gestão da prefeita Fátima Silva, que o vê como “político”. Dr. Araújo é o vice-prefeito da cidade desde 2013.

Dr. Araújo já sugeriu barreiras sanitárias e quando alcançou 11 casos confirmados deu o exemplo de sucesso de Itaú, no Alto Oeste Potiguar, que fizeram isolamento total e não apareceu mais casos da doença. “Estou só observando esse crescimento que depois iremos curtir a ressaca. Vejo que não necessita de rigidez, mas de ações bem coordenadas e éramos para hoje estarmos usando máscaras e um distanciamento menos exigente”, afirma.

“Hoje no Bom Dia RN mostrou que pela primeira vez o Seridó alcançou 92,6% de lotação dos leitos públicos. Sabemos que se algum desses casos for crítico será encaminhado ao Hospital Regional de Caicó, que pela primeira vez beira o colapso como as UTIs de todo Estado. De acordo com o Regula RN tinha nesta véspera de São João, uma fila de 124 pacientes e 8 leitos críticos disponíveis em todo Rio Grande do Norte. Acho que não é para brincadeira”, opina Dr. Araújo.

Os números da Covid-19 em Ouro Branco nesta segunda-feira (22) de acordo com os registros da Secretaria Municipal da Saúde são 17 casos confirmados, 81 suspeitos notificados, 05 aguardando resultado de exames, 58 descartados, 28 pessoas monitoradas, 0 óbitos.