in

Eletricista da Celpe é assassinado por cliente ao cortar energia elétrica no Ceará

O eletricista José Reginaldo de Santana Júnior, de 31 anos, foi assassinado ao cortar a energia elétrica de um cliente da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe), na tarde dessa terça-feira (29), na Zona Rural de Limoeiro, no Agreste de Pernambuco. O homem fugiu e, até a publicação deste texto, não foi preso.

Em nota oficial, a Celpe, que lamentou o que classificou de “ato brutal”, informou que o procedimento de desligamento de energia era legal. Segundo a distribuidora, o serviço deveria ser feito por falta de pagamento do cliente.

De acordo com o 6º Batalhão da Polícia Militar de Pernambuco, responsável por Limoeiro, o homicídio ocorreu por volta das 16h. Após o corte da energia, o cliente tentou obrigar o eletricista a religar a energia, mas, diante da negativa, atirou contra o eletricista usando uma arma de fogo. A vítima morreu no local.

Além do eletricista morto, um outro funcionário da Celpe, de 39 anos, estava no local. Esse segundo eletricista também foi ameaçado pelo cliente para religar a energia. O funcionário foi obrigado pelo homem a entrar no porta-malas do carro da empresa.

“A Celpe recebeu com consternação a notícia do assassinato do colaborador e informa que está prestando o apoio necessário à família da vítima”, diz nota oficial da Celpe.

“O departamento Jurídico da concessionária está acompanhando a instauração do procedimento investigativo policial e demanda das autoridades públicas o pleno cumprimento da lei”, completa o texto.

Equipes da Polícia Militar seguem em diligências na região para localizar o suspeito do crime. A Polícia Civil de Pernambuco registrou o crime na Delegacia de Polícia de Homicídios de Limoeiro. As investigações ficarão a cargo do delegado Fabrício Pimentel.

Folhape

Após Quatro Anos Governo Retoma Adiantamento Do 13º Salário E Anuncia Estudo Para Pagamento Dos Atrasados Da Gestão Passada

Deputado Kleber Rodrigues destaca emendas apresentadas ao projeto da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa*