Entidade LGBTI apresentará queixa contra Silas Malafaia por transfobia


A entidade Aliança Nacional LGBTI apresentará uma queixa-crime contra o líder da igreja Assemblei de Deus Vitória em Cristo, Silas Malafaia, que atacou a Natura por desenvolver uma peça publicitária com Thammy Miranda como figura paterna. Thammy Miranda é uma pessoa transexual.

Malafaia convocou um boicote contra a empresa de cosméticos porque teria colocado “uma mulher para fazer papel de homem” o que, na visão dele, representa uma afronta aos ” valores cristãos “.

Em declaração veiculada na coluna da Mônica Bergamo no jornal Folha de S.Paulo , o coordenador jurídico da Aliança Nacional LGBTI Marcelo Jeronymo Lima afirmou que Malafaia foi preconceituoso .

“Thammy é homem e é pai. Malafaia não pode confundir a sociedade por mero preconceito. Isso vai contra decisões já sacramentadas pelo Supremo Tribunal Federal”,disse.

Um militante ouvido pela colunista defendeu que a postura de Malafaia “é uma incitação ao ódio contra a população de transgêneros, que muitas vezes precisa ter coragem para fazer a transição”.