Com a inclusão dos últimos dados da pesquisa do Instituto Certus, promovida pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern), os números da candidata Fátima Bezerra (PT) se estabilizaram ao longo dos dois últimos levantamentos para o Governo do Estado. Líder na pesquisa, a senadora petista tem 36,10% das intenções de voto, o que significa uma oscilação negativa de 0,14%. Já o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), segundo lugar no estudo, subiu 4,61% entre setembro e outubro, chegando a 25,82%.

Com a subida Carlos Eduardo, de acordo com a pesquisa, é provável que ocorra segundo turno para a disputa ao Governo. A soma das intenções de votos dos demais candidatos ao Estado alcançou a marca de 42,71%, o que supera em 6,61% o número obtido pela líder no levantamento eleitoral.

O atual governador Robinson Faria (PSD) está com 9,65% das intenções de voto. Ele está em terceiro lugar na disputa.

A quinta pesquisa FIERN/Certus realizada de 30 de setembro a 3 de outubro. Foram 1.410 entrevistas, com eleitores maiores de 16 anos, em 8 regiões do RN, margem de erro 3% e intervalo de confiança de 95%. A 5ª rodada a Pesquisa FIERN/Certus Retratos da Sociedade Potiguar registrada na Justiça Eleitoral sob os números BR-01666/2018 e RN-05819/2018.

A pesquisa estimulada mostra ainda aumento no número de potiguares com candidato definido. O número de pessoas que afirmaram que não iriam votam em nenhum dos candidatos caiu 10,28% nos últimos dois meses, e está hoje ao patamar de 17,80%. Os que não sabem em quem votar estão em 5,25%. Além disso, 72,96% dos ouvidos no levantamento não irão mudar o voto até o dia das eleições.

Com relação à rejeição, o atual governador Robinson Faria (PSD) segue na liderança, com 36,42%. Fátima Bezerra vem logo depois, com 14,66%. O terceiro nome mais rejeitado é o de Carlos Eduardo, com 8,34%.

Segundo turno

O instituto Certus simulou pesquisas para o segundo turno. Foram feitas três simulações. A primeira traz o cenário envolvendo Fátima Bezerra e Carlos Eduardo Alves. A senadora petista venceria a disputa com 46,10%, contra 35,60% do ex-prefeito de Natal.

No segundo cenário, envolvendo Carlos Eduardo e Robinson Faria, o pedetista ficaria com 54,54%, já o atual governador com 18,44%.

A última simulação traz os nomes de Fátima Bezerra e Robinson Faria. A petista venceria com 55,60%, contra 19,65% do atual chefe do Executivo