Filho de ‘boia fria’ realiza o sonho de se formar em medicina, e diz o que vai fazer com o primeiro salário: ‘Tirar o meu pai do corte de cana’




Filho de cortador de cana, Wellington Gomes, de 29 anos, realizou o sonho de se formar em medicina em novembro deste ano. Ao ser questionado sobre o que faria com o seu primeiro salário, ele não hesitou na resposta: “Tirar o meu pai do corte de cana”, disse ao g1, durante entrevista neste sábado (18).

Após pegar o registro profissional do Conselho Regional de Medicina (CRM) em 26 de novembro mês, Wellington participou da solenidade de colação de grau em 13 de dezembro. Ele saiu da zona rural de Ribeirão, na Zona da Mata Sul do estado, para estudar medicina no Recife. Após perder a mãe, trabalhou cortando cana-de-açúcar, assim como o pai.

Antes de entrar na faculdade de medicina, Wellington pedalava 24 quilômetros para ir e mais 24 para voltar da escola, pois o transporte não chegava até o engenho onde ele morava com a família,Para ele, cada quilômetro percorrido valeu a pena.