in

Governo tenta evitar que CPI da Covid se torne palanque para Mandetta contra Bolsonaro



Uma força-tarefa montada no Palácio do Planalto está promovendo um verdadeiro pente-fino na gestão do ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, na tentativa de evitar que ele use a CPI da Covid (Comissão Parlamentar de Inquérito) no Senado como palanque eleitoral para 2022.

Dados estão sendo levantados para serem usados nas audiências mobiliza servidores da Casa Civil, da Secretaria de Governo, da Secretaria-Geral e da Secom (Secretaria de Comunicação)​.

A ideia é restringir as perguntas feitas a Mandetta ao período em que ele esteve à frente da Saúde, para evitar, segundo governistas, que o ex-auxiliar se transforme em uma espécie de comentarista político de ações tomadas pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) após sua saída do cargo.

Parnamirim autoriza funcionamento dos parques de diversão e o uso de música ao vivo

busca de candidatura única, Mandetta já se reuniu com FHC, Temer e Moro