in

Humorista do Programa do Ratinho, Rodela morre aos 66 anos vítima do covid-19


O humorista Luiz Carlos Ribeiro, popularmente conhecido como Rodela, morreu nesta quarta-feira (2). Integrante do Programa do Ratinho, o veterano de 66 anos foi diagnosticado com Covid-19 e estava internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Geral de Guarulhos, em São Paulo.

No início da noite, ele sofreu paradas cardíacas, o que ocasionou a sua morte. Há duas semanas, Rodela foi internado no centro hospitalar com um quadro de pneumonia e teve 95% dos pulmões comprometidos.

Rodela estreou na televisão em 1992, no programa Show de Variedades. Em seguida, participou de diversos programas humorísticos e ganhou destaque no Ratinho Livre, da Record, em 1997.

Com a mudança de emissora do apresentador, Rodela voltou para o SBT e passou a integrar o elenco do Programa do Ratinho, além de participações em outras atrações da casa, como A Praça É Nossa e Domingo Legal.

Nas redes sociais, colegas de emissora lamentaram a perda. “Estou arrasado. Falava quase que diariamente com ele. Meus sinceros sentimenos à Vera e aos filhos”, escreveu Murilo Bordoni, produtor do Programa do Ratinho, no Instagram. “Vá com Deus, amigo!”, desejou o humorista Iran Ferreira, o Santos.

MEC desiste de retorno às aulas presenciais em janeiro

Ao lado de Ezequiel, ministro Rogério Marinho anuncia início de recuperação da Barragem Passagem das Traíras*