in

Malu Mader detona governo de Jair Bolsonaro: ‘Não engulo mais’


Em uma das raríssimas entrevistas concedidas nos últimos anos, a atriz Malu Mader desabafou sobre seu descontentamento com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A artista criticou duramente o governo federal por medidas adotadas nas áreas da Saúde, Educação, Cultura, Meio Ambiente e Direitos Humanos.

“Eu não engulo mais um governo que estimula as pessoas a negarem a ciência, que persegue artistas, professores. Não engulo mais misturar religião com política, usar Deus como cabo eleitoral”, disse, no quadro ‘Eu não engulo’, do podcast ‘Calcinha Larga’, apresentado pela escritora Tati Bernardi, em parceria com a roteirista Camila Fremder e a atriz Helen Ramos

Malu Mader definiu a situação atual do Brasil como “muito triste” e disse ainda que, mesmo ao fim do governo de Bolsonaro, não será possível a recuperação de algumas ações executadas.

“Eu não engulo mais culpar mulher pelo próprio estupro. De queimar floresta e dizer que foi o índio. Não sei como a gente está aguentando. Uma inversão de valores. Eu não aguento mais desigualdade, não investir em Educação, dar liberdade para as pessoas fazerem o que elas quiserem. Não aguento mais matarem pessoas pretas e dizerem que não é racismo. Não está dando, está difícil. Tem coisa que não tem recuperação. Questões ecológicas não têm volta”, desabafou.

EXTENSÃO do auxílio emergencial de R$300 em janeiro, fevereiro e março de 2021

Juíza é assassinada pelo marido na frente das filhas