Messi ganha Bola de Ouro, vence prêmio pela 7ª vez e amplia recorde em cima de Cristiano Ronaldo



Atualmente jogador do PSG, o argentino faturou a honraria pelo grande ano que realizou pelo Barcelona em 20/21, anotando 38 gols e dando 12 assistências em 48 partidas, além de ganhar a Copa do Rei.

Pela seleção da Argentina, o astro ganhou a Copa América de 2021, finalmente conquistando um título com sua equipe nacional após anos de luta.

O atacante terminou a eleição do tradicional veículo esportivo francês à frente de Robert Lewandowski, do Bayern de Munique, e Jorginho, do Chelsea.

O brasileiro Neymar, por sua vez, naufragou e não ficou nem no top 15 da publicação.

Com mais essa taça, Messi fatura o Ballon d’Or pela 7ª vez em sua carreira, um recorde mundial absoluto.

Ele foi o campeão em 2009, 2010, 2011, 2012, 2015, 2019 e 2021.

Além disso, o gênio foi 2º colocado em 2008, 2013, 2014, 2016 e 2017 e levou o 3º lugar em 2007.

A nova “Bola de Ouro” em sua coleção também serve para ele ampliar sua vantagem pessoal em cima de seu maior rival: Cristiano Ronaldo.

Antes, os craques de PSG e Manchester United estavam separados por apenas uma taça, já que CR7 ganhou cinco vezes.

Agora, porém, Messi de dois Ballon d’Or de vantagem em cima do português, que foi campeão pela última vez em 2017.

Ronaldo, aliás, não ficou nem no top 5 na atual edição do prêmio, acabando apenas em 6º lugar.

Veja como ficou o top 10 da “Bola de Ouro”
10. Gianluigi Donnarumma (Milan/PSG)
9. Kylian Mbappé (PSG)
8. Kevin de Bruyne (Manchester City)
7. Mohamed Salah (Liverpool)
6. Cristiano Ronaldo (Juventus/Manchester United)
5. N’Golo Kanté (Chelsea)
4. Karim Benzema (Real Madrid)
3. Jorginho (Chelsea)
2. Robert Lewandowski (Bayern de Munique)
1. Lionel Messi (Barcelona/PSG)