in , ,

Mulher que deu à luz em coma por coronavírus abraça filha pela primeira vez

Por G1 — Em meio a tantas notícias difíceis sobre a quarentena e covid-19, uma mãe conseguiu segurar sua recém-nascida pela primeira vez. Trata-se da norte-americana Angela Primachenko, que entrou em coma induzido por causa da covid-19 quando estava grávida de 34 semanas.

Quando acordou, sua filha já tinha cinco dias de idade. Mas foi preciso que a jovem esperasse que os resultados de novos testes para o vírus dessem negativos para que ela pudesse segurar a bebê pela primeira vez. E isso aconteceu na última quarta-feira (15).

“Chorando agora! Estou livre da covid-19! E segurando minha menina em minhas mãos!”, escreveu Angela em seu perfil no Instagram.

Itália tem recorde de pacientes curados da Covid-19 em um dia e queda no número de internados em UTIs

Apresentador Raul Gil sofre grave acidente aos 82 anos