NELTER QUEIROZ COMENTA DIFICULDADES ENFRENTADAS PELO PROGRAMA DO LEITE E RESTAURANTES POPULARES, E VOLTA A CRITICAR APREENSÃO DE MOTOS PELO INTERIOR DO ESTADO



Durante horário destinado aos líderes parlamentares, na sessão plenária da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN), nesta terça-feira (14), o deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) tratou sobre a sensibilidade das atuais políticas públicas do Governo do Estado para beneficiar a população potiguar mais carente.

Na ocasião, Queiroz citou a redução de refeições oferecidas em restaurantes populares e a redução no número de pessoas beneficiadas com o Programa do Leite em vários municípios. “Gostaria que a governadora fizesse uma análise sobre suas origens. Porque além de diminuir o número de famílias beneficiadas pelos restaurantes populares e pelo Programa do Leite, ela ainda atrasa o pagamento dos pequenos criadores que repassam o leite para o Governo”, disse.

O parlamentar também citou o alto índice de apreensão de motos no interior do Estado. “A moto é o cavalo de antigamente. É o instrumento de trabalho de muitos agricultores. Existe uma lei que proíbe a apreensão dessas motos só pelo atraso do IPVA”, lamentou, mostrando que o Governo do Rio Grande do Norte age contra as próprias leis que sanciona.

TELEFONIA MÓVEL

Por fim, a pedido do vereador Genivan do Vale Silva, Nelter Queiroz também usou os microfones da ALRN para cobrar da operadora Tim, da Anatel e do Ministério das Comunicações a instalação do sinal de telefonia móvel da Tim na comunidade Cohab, em Macau.