Neymar diz que 2022 pode ser última Copa e faz desabafo: ‘Não sei se terei cabeça para aguentar mais futebol’



Neymar afirma que encara a Copa do Mundo de 2022, no Catar, como a última da carreira.
Neymar volta a campo neste domingo (10) para o duelo contra a Colômbia, às 18h (de Brasília), pelas Eliminatórias. A seleção brasileira segue com 100% de aproveitamento na competição e já está virtualmente classificada para a Copa do Mundo de 2022, no Catar, torneio que pode ser o último do craque do PSG com a camisa verde e amarela.

Todas as repercussões, entrevistas, análises e opiniões de Venezuela x Brasil, pela quinta rodada das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, você assiste no Linha de Passe, a partir de 19h55 (de Brasília), pela ESPN no Star+.

Em entrevista à DAZN, o atacante de 29 anos surpreendeu ao afirmar que não sabe se terá condições de ”aguentar mais futebol” após a disputa do Mundial.

“Acho que é minha última Copa do Mundo (2022). Eu encaro como a minha última porque não sei se terei mais condições, de cabeça, de aguentar mais futebol. Então vou fazer de tudo para chegar muito bem, fazer de tudo para ganhar com meu país. Para realizar o meu sonho desde pequeno e espero poder conseguir”, afirmou o craque.

Desde que estreou na seleção, em agosto de 2010, Neymar disputou 114 jogos, marcou 69 gols e deu 44 assistências. Ele já conquistou quatro edições do Superclássico das Américas (2011, 2012, 2014 e 2018), uma Copa das Confederações (2013), além da medalha de ouro olímpica em Londres (2016).

Depois da Venezuela, o Brasil terá pela frente o Uruguai na quinta-feira (14), às 21h30 (de Brasília), na Arena Amazônia