OMS faz alerta de que vacinados não estão imunes à 4ª onda da pandemia


O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse nesta quarta-feira (24), durante entrevista coletiva, estar preocupado com a falsa sensação de segurança de que as vacinas acabaram com a pandemia de Covid-19 no mundo.

“As vacinas salvam vidas, mas não evitam totalmente a transmissão da Covid-19. Em muitos países e comunidades, estamos preocupados com a falsa sensação de segurança de que as vacinas acabaram com a pandemia da Covid-19 e que as pessoas vacinadas não precisam tomar quaisquer outros cuidados”, disse.

De acordo com o portal Metrópoles, Tedros destacou dados que sugerem que antes da ascensão da variante Delta do coronavírus – a mais transmissível entre as identificadas até aqui –, as vacinas reduziam a transmissão em cerca de 60%. Com a Delta, isso caiu para aproximadamente 40%.

“Se você for vacinado, terá um risco muito menor de Covid grave e morte, mas ainda corre o risco de ser infectado e infectar outras pessoas. Continue a tomar precauções. Isso significa usar máscara, manter o distanciamento, evitar multidões e encontrar outras pessoas do lado de fora, se puder, ou dentro, mas em um espaço bem ventilado”, afirmou.