in

PELA 2ª VEZ, CÂMARA NÃO CONSEGUE NOTIFICAR FLORDELIS SOBRE PROCESSO DE CASSAÇÃO

A Corregedoria da Câmara dos Deputados tentou pela segunda vez notificar a deputada Flordelis (PSD-RJ) sobre a abertura do processo de investigação para cassação do seu mandato, mas ela não foi encontrada. Apenas a deputada pode assinar o recebimento da notificação. A deputada é suspeita de mandar matar o marido, o pastor Anderson do Carmo. Ela foi indiciada pelo crime na semana passada.

A tentativa foi feita por assessores da Corregedoria no apartamento funcional dela em Brasília, nesta quinta-feira (3). A primeira tentativa foi feita nesta quarta-feira (2), no gabinete da deputada, Câmara dos Deputados.

BISPOS DO RN DISCUTEM REFORMA DA PREVIDÊNCIA COM FÓRUM DOS SERVIDORES

NÚMERO DE AÇÕES TRABALHISTAS ENVOLVENDO COVID-19 CHEGA A 14.300