in

Ronaldinho Gaúcho da migué na justiça para não pagar pensão de de 100 mil


mi

O ex-jogador Ronaldinho Gaúcho está dando, no bom baianês, um verdadeiro zig, na Justiça, e com isso, se livrando de ser intimado para pagar uma pensão de R$ 100 mil a ex-companheira, Priscilla Coelho.

De acordo com o jornal ‘Extra’, os oficiais não conseguiram encontrar o craque em sua casa no Rio de Janeiro, e por isso terão que intimar o ex-jogador por meio de edital.

Apesar de não ser encontrado pela Justiça, Ronaldinho, que passou uma boa parte do ano de 2020 preso no Paraguai, não está desaparecido.

Nas redes sociais é fácil descobrir o endereço do craque, seu haras em Porto Alegre. Em entrevista ao ‘Extra’, uma fonte afirmou que é fácil encontrar o jogador por lá.

“Tem festa todo dia. Mesmo quando anunciou que a mãe tava com coronavírus, não deixou de ter resenha, regada a bebida. Os amigos dele do Rio vão pra lá toda hora e ele paga tudo”.

Priscilla tenta há 3 meses receber o valor que foi decidido judicialmente. A moça quer ainda ter o reconhecimento de união estável, para que ele divida parte dos seus bens, adquiridos enquanto estava com ela.

“Infelizmente, não conseguem intimá-lo e a Justiça é lenta. Meu advogado está vendo o que fazer. Ainda não recebi nada. E pelo que gasta, isso é muito pouco para ele”, observa.

Filho é suspeito de matar o pai por causa de briga por herança

COVID-19: PRIMEIRAS PESSOAS SÃO VACINADAS EM SÃO JOSÉ DO SERIDÓ*