TSE AVALIA QUE HÁ CONDIÇÕES PARA CASSAÇÃO DA CHAPA BOLSONARO-MOURÃO

Chapa Bolsonaro-Mourão corre o risco de ser cassada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Foto: Reprodução

A chapa Bolsonaro-Mourão, vencedora das eleições presidenciais de 2018, corre risco de ser cassada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) . Segundo publicação do jornalista Lauro Jardim, a corte avaliou que há condições técnicas para a cassação da dupla.

Atualmente, a chapa enfrenta quatro ações na corte eleitoral que tratam sobre abuso de poder econômico e uso indevido das redes sociais, conhecidas como Aije (Ações de Investigação Judicial Eleitoral).

O uso fraudulento de nomes e CPFs de idosos, a fim de obter registros de chips de celular, para que disparos em massa de conteúdos favoráveis ao então candidato Jair Bolsonaro (sem partido) estão sob a mira do TSE.

O problema, segundo a apuração, seria a falta de condições políticas para o avanço do julgamento sobre o mandatário e o vice-presidente da República.