in

Vivaldo cobra do Governo prorrogação de débitos e maior suporte aos produtores rurais



Durante a Sessão Plenária desta terça-feira (9), o deputado Vivaldo Costa (PSD) voltou a falar sobre a situação preocupante que se encontra os agropecuaristas do Rio Grande do Norte. O parlamentar, dentre outras ações, cobrou do governo estadual um suporte maior aos produtores rurais.

Em seu pronunciamento, o deputado Vivaldo falou sobre as dificuldades que a seca prolongada vem trazendo para o sertanejo das mais diferentes regiões e pediu apoio do Governo do Estado para esses trabalhadores e pediu a prorrogação dos débitos dos agropecuaristas.

“Nós estamos no décimo ano consecutivo de seca no RN. E, para sobreviver todo esse tempo, só o seridoense, o sertanejo do RN. Houve apoio governamental, através de empréstimos, mas o agricultor e o pecuarista precisam de mais tempo, de mais chuva, para poder saldar suas dívidas junto ao banco. Até mesmo os médios e grandes pecuaristas estão sem ter como pagar”, defendeu.

Segundo Vivaldo, o pessoal do governo raciocina “como se chovesse dinheiro”. “Eles acham que, com a chuva, chega o dinheiro. Não tem isso, não. É preciso prorrogar esses débitos por mais tempo, para que se possa recuperar a economia do Seridó”, disse.

Kleber Rodrigues, em Brasília, acompanhado de prefeitos, pede nova adutora para municípios do Agreste

PF apreende 500 comprimidos de Ecstasy nos Correios de Caicó (RN)